A história em movimento: discutindo a obra Oliver Twist

Autores

  • Camila Trindade Universidade Estadual de Maringá - UEM
  • Liandra Savanhago Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC
  • Tielly Rosado Maders Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Palavras-chave:

Oliver Twist. Materialismo histórico-dialético. Cinema.

Resumo

Resumo

O materialismo-histórico-dialético, enquanto método que permite compreender a realidade, entende a história humana a partir da luta de classes. Sendo fundamental para tal compreensão, o desvelamento de diversas categorias, dentre essas, a categoria movimento. À luz desses conceitos, o presente trabalho tem como objetivo analisar a produção cinematográfica intitulada Oliver Twist. Para isso, inicialmente foi realizada uma caracterização da trama do filme. Na sequência, foram discutidos alguns elementos do mesmo, a partir do método em questão, e suas relações com a história da humanidade. A partir da análise, foi possível identificar as contradições que envolvem o capitalismo nascente e suas implicações para a vida dos sujeitos da classe trabalhadora, sobretudo para as crianças.  

 

Palavras-chave: Oliver Twist. Materialismo-histórico-dialético. Cinema. 

 

Abstract

The dialectical and historical materialism, as a method that allows to understand reality, perceives the human history from the class struggle. Is essential for comprehension to unveil the movement caterogy. In light of these concepts, the present article aims to analyze the Oliver Twist cinematographic production. Firstly, a characterization of the film plot was performed. Then,based on the method in question, some elements of the movie was discussed and its relations with the history of humanity. In the analysis it was possible to identify the contradictions that envolve the nascent capitalism and its implications for the lives of working class subjects, especially for children.

Keywords: Oliver Twist, dialectical and historical materialism, cinema.

Biografia do Autor

Camila Trindade, Universidade Estadual de Maringá - UEM

Formada em Psicologia, pela Universidade Federal do Rio Grande – FURG.

Mestra em Psicologia, pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC.

Doutoranda em Psicologia, pela Universidade Estadual de Maringá – UEM.

Liandra Savanhago, Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Formada em Psicologia, pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC.

Pós-graduanda em Saúde Coletiva, pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. 

Mestra em Psicologia, pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC.

Tielly Rosado Maders, Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Formada em Psicologia, pela Universidade Franciscana -UFN. 

Pós-graduada em Políticas Públicas para la Igualdad en América Latina, pelo Consejo Latino-Americano de Ciencias Sociales - Argentina - CLACSO.

Mestra em Psicologia, pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. 

Doutoranda em Psicologia, pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. 

Referências

Ficha: Oliver Twist (Oliver Twist). Inglaterra, 1968, 75min. Dirigido por Roman Polanski.

Referências

ENGELS, Friedrich. Do socialismo utópico ao socialismo científico. Tradução de Rubens Eduardo Frias. (2a ed.). São Paulo: Centauro, 2005.

ENGELS, Friedrich. A situação da classe trabalhadora na Inglaterra. Tradução de B. A. Schumann. (10a ed.). São Paulo: Boitempo, 2010.

HOBSBAWM, Ernest. John. A era das Revoluções (1789-1848). (15a ed.). São Paulo: Paz e Terra, 2008.

MARX, Karl. & ENGELS, Friedrich. Manifesto Comunista. (4a ed.). São Paulo: Boitempo, 2005.

MARX, Karl. O capital: crítica da economia política: Livro I: o processo de produção do capital. Tradução de Rubens Enderle. São Paulo: Boitempo, 2013.

SOUZA, Éder Cristiano de. O que o cinema pode ensinar sobre a história? Ideias de jovens alunos sobre a relação entre filmes e Aprendizagem histórica. História & Ensino, Londrina, v. 16, n. 1, p. 25-39, 2010. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/histensino/article/view/11597. Acesso no dia 01/02/2018.

Downloads

Publicado

2020-02-13

Edição

Seção

Sociologia e Filme