Uma análise sociológica do filme “Parasita”

Autores

Palavras-chave:

sociologia urbana, sociologia do trabalho, parasita, sociedade

Resumo

Análise sociológica do filme “Parasita”, uma produção que ganhou 4 Oscars, que cumpre um papel importante de mostrar uma realidade comum a muitas sociedades: a da desigualdade social. Através do acompanhamento das passagens do filme, é possível fazer análises baseadas na teoria sociológica que conectam uma obra fictícia com as vivências e os ambientes sociais de duas famílias de classes diferentes e que representam as relações que se estabelecem na sociedade, dentro das famílias e do mundo do trabalho.

 

Sociological analysis of the film “Parasita”, a production that won 4 Oscars, which plays an important role in showing a reality common to many societies: social inequality. Through the monitoring of the passages of the film, it is possible to make analyzes based on the sociological theory that connect a fictional work with the experiences and social environments of two families of different classes and that represent the relationships that are established in society, within families and the world of work.

Biografia do Autor

Ana Cláudia Bessa, Universidade Federal Fluminense UFF

Graduanda em Sociologia pela Universidade Federal Fluminense (UFF), pesquisadora e integrante da linha de pesquisa -Cinema e ditadura em plataforma virtual-, vinculada ao grupo de pesquisa certificado no CNPq: -Subjetividade, Memória e Violência do Estado-, Integrante do grupo de pesquisa Grupo de Análise em Política Internacional da Universidade Federal Fluminense (UFF), Editora-executiva da Revista Ensaios (Publicação do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Sociologia (PPGS) e das graduações em Ciências Sociais e Sociologia da UFF).

Downloads

Publicado

2021-02-17

Edição

Seção

Sociologia e Filme